Fórum da Baixada adere à campanha de prevenção e enfrentamento do câncer

Fórum da Baixada adere à campanha de prevenção e enfrentamento do câncer

Sob a coordenação do presidente em exercício, Expedito Moraes, o Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) promoveu, na noite de ontem (06/10), reunião com forenses convocados para comporem equipe de coordenação da Campanha de Prevenção e Enfrentamento do Câncer. Alguns justificaram ausência e outros tiveram dificuldades de conexão na internet, vez que a reunião foi realizada virtualmente, por meio da plataforma Google Meet. Ana Creusa, César Brito, Deuzenir, Elinajara, Expedito e Gracilene foram os participantes.

Após os cumprimentos de praxe, o Presidente fez um relato sucinto das ações do FDBM nas últimas semanas, com o desiderato de reunir entidades para construção do Plano de Desenvolvimento para a Baixada.

A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) foi classificada como a âncora das parcerias, tendo o Magnífico Reitor como grande entusiasta; Fundação Vale; Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Centro. Espacial de Alcântara (CEA); Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA); Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT); Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae/MA).

Informou, ainda, que até sexta-feira desta semana, a UFMA deverá apresentar a minuta do Termo de Cooperação Técnica com o FDBM, que deverá dar início à construção das demais parcerias.

Sobre os Diques da Baixada, a cargo da Codevasf, Expedito Moraes falou que estão na fase de levantamento de flora e fauna presentes na área dos diques, bem como análise da água nos períodos de cheia e seca. Elinajara questionou acerca dos arranjos produtivos para área. Expedito ficou de confirmar qual instituição estaria responsável, se é a própria Codevasf, ou o Sebrae.

O forense César Brito informou que recebeu consultoria do Sebrae em Matinha para análise do município para fins turísticos. Observou que o potencial náutico da Baixada está prejudicada pela existência de vegetação flutuante, em forma de balcedos, que poderiam ser facilmente condidos com pequenos investimentos.

Deuzenir destacou a importância da parceria com a Estação de Conhecimento da Vale no apoio de ações de educação, logística e produção de alimentos. Gracilene elogiou as ações e diz esperar ansiosa pela construção da BR 308 para facilitar o acesso à Baixada.

Ana Creusa informou que os gestores do Projeto Bosques na Baixada, Drs. Gusmão Araújo e Jucivan, irão trabalhar na elaboração do projeto dos bosques, visando captação de recursos materiais e financeiros, vez que atualmente contam apenas com recursos humanos e parceria com o corpo técnico e científico da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

Após essas considerações necessárias para nivelar e atualizar os participantes, o Presidente do FDBM falou do objetivo da Campanha de Prevenção e Combate ao Câncer dos residentes na Baixada. Falou das dificuldades maximizadas pela carência da rede hospitalar e ambulatorial, além da logística incômoda para os enfermos em geral. Convocou os presentes a participar, não apenas da campanha do Outubro Rosa, mas que seja uma ação permanente, buscando informações e parcerias necessárias, ao que todos concordaram.

Para marcar o lançamento da campanha, Gracilene Pinto declamou um belo poema, que compôs após o recebimento da convocação para compor a coordenação da campanha. Com a cabeça prenhes de ideias, acompanhada do seu sorriso peculiar, os forenses maravilharam-se com poema abaixo:

OUTUBRO ROSA

“A Baixada se faz rosa
pra suas Rosas cuidar”,
melhor prova de carinho
que à mulher se pode dar.

Deus é o Pai Criador,
a terra é o seio divino,
que ele mesmo criou
pra alimentar menina e menino.

Mas, seu projeto perfeito
tinha alma feminina,
sensível, fecunda e abençoada:
Assim nasceu menina

Com dotes suficientes,
sem usar de redundância,
para gerar suas sementes
e alimentar com abundância.

Útero é vaso sem defeito
onde Deus põe a semente
e num milagre perfeito
floresce um novo vivente.

Um seio de mãe, com certeza,
Traz a vida a palpitar.
Sublimação da existência
é por um filho a mamar.
Foi o jeitinho que Deus
na hora da criação
concebeu pra alimentar
a todos sem distinção.

Por isso, abracemos a missão,
com prevenção e com calma,
lembrando que, cuidar do corpo
é dar suporte pra alma.

Prefeitos, vereadores,
gestores, e o povo até,
Não esqueçam, por favor,
que o peito alimenta a vida,
do bebê é a mamadeira preferida,
e oferece sem medida
o néctar do amor,
e foi num seio de mulher
que Jesus se alimentou.

Os demais detalhes sobre a campanha serão repassados em breve. Com o coração alegre, todos agradeceram a oportunidade do encontro virtual vibrante, com sonhos simples, que somente podem ser realizados com Amor e Solidariedade. 

 

Promotores de Justiça promoverão Audiência Extrajudial sobre as condições dos serviços prestados pelo Ferry-boat

Promotores de Justiça promoverão Audiência Extrajudial sobre as condições dos serviços prestados pelo Ferry-boat

A Coordenadora do Centro de Apoio Operacional do Consumidor do Ministério Público do Estado do Maranhão, Lítia Cavalcanti, INFORMA que foi designada para segunda-feira (21/09) às 9 horas da manhã, na sede das promotorias, uma AUDIÊNCIA EXTRAJUDICIAL com as operadoras de Ferry Boat e a Agência Estadual de Transporte e Mobilidade Urbana (MOB).

A audiência será transmitida pelo Google Meet (https://meet.google.com/svb-htyi-xrx) e tem por finalidade discutir, mais uma vez, os serviços prestados pelas operadoras de Ferry-Boat, bem como o tratamento com os usuários/consumidores, e o descompasso com Termo de Ajuste de Conduta (TAC) já firmado e a legislação vigente.

Essa articulação está sendo promovida pelo Centro de Apoio Operacional do Consumidor (CAOPCONSUMIDOR) e a Coordenadora Regional de Pinheiro, Promotora Linda Luz. Pela relevância do tema, a presença dos promotores das comarcas da região da Baixada Maranhense é fundamental.

Considerando-se que o público alvo da audiência é a MOB, Internacional Marítima, Serviporto, Promotores do Consumidor e sociedade em geral, é fundamental que os baixadeiros e usuários dos ferry-boats em geral assistam à audiência acessando a audiência, sintonizando no endereço: https://meet.google.com/svb-htyi-xrx

Com participação do Magnífico Reitor, o Grupo de Trabalho UFMA/FDBM retoma agenda de trabalho

Com participação do Magnífico Reitor, o Grupo de Trabalho UFMA/FDBM retoma agenda de trabalho

No início da noite desta quarta-feira (16/09), a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e o Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) deram prosseguimento à Agenda de Trabalho iniciadas em novembro de 2019 e interrompida em fevereiro de 2020, de acordo com as normas sanitárias estabelecidas para controle da pandemia da Covid-19. A reunião se deu por meio da plataforma virtual Google Meets.

Os representantes da Universidade foram Josefa Melo e Sousa Bentivi Andrade, Saulo Ribeiro dos Santos, Li Chang Shuen Cristina Silva, Marcos Fábio Belo Matos e o magnífico reitor Natalino Salgado Filho e do Fórum Expedido Nunes Moraes, Antônio Lobato Valente e Ana Creusa Martins dos Santos; definiram posições, premissas e ações que irão consolidar, de modo concreto, esta parceria. Nesta reunião três assuntos foram intensamente debatidos e dado encaminhamentos:

  1. tratativas para elaboração do Termo de Cooperação Técnica entre a UFMA e o FDBM;
  2. criação do Polo de Empreendedorismo Rural da Baixada;
  3. construção de um Plano de Desenvolvimento da Baixada e Reentrâncias Maranhenses e
  4. definição e convocação de parceiros.

Para elaborar e aprovar o Plano de Desenvolvimento da Baixada e Reentrâncias Maranhenses e instalar o Polo de Empreendedorismo Rural da Baixada a ideia é criar um ambiente que envolva todos os seguimentos existentes no Território destas regiões. Para isto, deverão ser organizados vários eventos nos municípios culminando com um grande FORUM. 

Esses eventos contarão com a participação de todos os órgãos que formarão o Grupo de Trabalho. Pensa-se na realização de um Seminário sobre Turismo e Alimentação. E neste será estudada a implantação do Curso de Engenharia de Pesca no Polo da UFMA de Pinheiro.

Outros assuntos correlatos foram debatidos, como:

  • ampliação das parcerias com os governos Federal, Estadual e Municipais e com os diversos órgãos e entidades públicas e privadas;
  • eventos culturais e promoção da gastronomia baixadeira e costeira; 
  • os estaleiros artesanais de Cururupu;
  •  existência de inventário cultural de Cururupu e
  •  fazer parceria com o Consórcio dos Guarás.

Com participação do Magnífico Reitor, UFMA e Fórum da Baixada debatem projetos para a Baixada Maranhense

Com participação do Magnífico Reitor, UFMA e Fórum da Baixada debatem projetos para a Baixada Maranhense

No início da noite de ontem, quarta-feira (16/09), a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e o Fórum em Defesa da Baixada Maranhense reuniram-se por meio da plataforma virtual Google Meets. Representando a Universidade, participaram Josefa Melo e Sousa Bentivi Andrade, Saulo Ribeiro dos Santos, Li Chang Shuen Cristina Silva, Marcos Fábio Belo Matos e o magnífico reitor Natalino Salgado Filho. O Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) foi representado por Expedido Nunes Moraes, Antônio Lobato Valente e Ana Creusa Martins dos Santos.

No dia 13 de fevereiro houve uma reunião presencial do Grupo de Trabalho UFMA-FDBM na sala da Pró-reitoria de Extensão e Pesquisa, Zefinha Bentivi, após os debates, foram definidas as prioridades de demandas e alinhamento das premissas para a construção de um plano de desenvolvimento viável para Baixada e Reentrâncias Maranhenses, com a finalidade de elaboração de um Termo de Cooperação Técnica entre a UFMA e o FDBM que contemple três eixos: ambiental, social e econômico (empreendedorismo). A partir daí houve algumas tratativas por telefone e grupo de WhatsApp.

A Pró-reitora Zefinha Bentivi apresentou os participantes pela UFMA e Expedito Moraes apresentou os representantes do FDBM.

A reunião de hoje teve como Pauta: 

a) tratativas para elaboração do Termo de Cooperação Técnica entre a UFMA e o FDBM;

b) criação do polo de empreendedorismo rural da baixada;

c) construção de um plano de desenvolvimento viável para Baixada e Reentrâncias Maranhenses e

d) definição e convocação de parceiros.

O debate foi girou em torno de Plano de Desenvolvimento da Baixada e Reentrâncias Maranhenses e envolvimento de um grande movimento para execução do Plano de Desenvolvimento da Baixada. Esse evento deverá culminar com o Seminário sobre Turismo e Alimentação, instalação do Curso de Pesca, do Polo de empreendedorismo rural da Baixada.

O projeto do empreendedorismo cultural e turístico que também foi discutido na reunião, seria uma exposição ou feira na Baixada e Floresta dos Guaras, envolvendo o Curso da Engenharia de Pesca em Pinheiro.

O magnífico reitor e demais participantes comentaram sobre os estaleiros artesanais de Cururupu, bem como:

– A existência de um termo de Cooperação Técnica da UFMA com outra entidade que pode ser usado como modelo para o Fórum;

– Existência de estudo sobre turismo;

– Implantação de Curso de Pesca na UFMA de Pinheiro;

– Existência de inventário cultural de Cururupu;

– Consórcio dos Guarás como parceiro;

O Professor Saulo falou que tem minuta do Termo de Cooperação Técnica que apresentará para as devidas modificações e que irão buscar apoio do Professor Valter Nunes, que é especialista em empreendedorismo.

O Fórum e a UFMA deverão promover eventos para dar publicidade aos agentes públicos, privados e organismos sociais, culturais sobre a aprovação do Termo de Cooperação Técnica que será celebrado entre as duas entidades.

Cooperativismo: Fórum da Baixada e Associação de Piscicultura de Itans debatem o assunto

Cooperativismo: Fórum da Baixada e Associação de Piscicultura de Itans debatem o assunto

Durante almoço,nesta quinta-feira (20/08), o Presidente do Fórum em Defesa da Baixada, Expedito Moraes, acompanhado dos forenses Antônio Valente, Alberto Muniz e Ana Creusa trataram de parceria na busca de possibilitar que vários municípios da Baixada possam aprender as técnicas de cooperativismo na criação de peixes e outros arranjos produtivos, que poderiam utilizar-se da expertise da Associação dos Produtores de Pescados de Itans, comunidade localizada em Matinhas (MA), que é uma das responsáveis por transformar o povoado em um polo de piscicultura no Estado.

O Presidente da Associação Carlos Pinheiro Gomes, o Cibaleno, que estava acompanhado de Júlio Pinheiro, Vice-Prefeito de São Luís, que é filho de Itans e participou de todas as atividades de pescaria tradicional no Povoado. Cibaleno encantou os forenses com várias histórias que alicerçaram o trabalho dos associados, baseada especialmente no conhecimento, no domínio das técnicos de implantação, manejo, e atividades de comercialização com resultados para todos. Disse que não tem condições de atender à demanda. Que pretende incrementar a atividade de exportação, mas não tem produto suficiente, o que justifica o seu interesse em difundir a técnica de piscicultura a mais municípios.

Ficou combinado que, oportunamente, o Fórum da Baixada e a Associação de Itans possam estabelecer parcerias. Inclusive, o Presidente do FDBM pretende verificar a possibilidade de uso das instalações de uma escola que fica entre os municípios de Miranda e Arari, para que sejam ensinadas as técnicas de cultivo de vários produtos, para os quais a Baixada Maranhense tem vocação e que faz parte de vários planejamentos esparsos em vários órgãos como SEBRAE, SENAR e outros.

Fórum da Baixada reuniu-se com o Superintendente do DNIT para solicitar apoio para projetos que beneficiarão a Baixada Maranhense

Fórum da Baixada reuniu-se com o Superintendente do DNIT para solicitar apoio para projetos que beneficiarão a Baixada Maranhense

Na tarde desta quinta-feira, dia 20 de agosto, o Presidente do Fórum da Baixada em Defesa da Baixada (FDBM) Expedito Nunes Moraes, acompanhado de Antônio Valente, Alberto Muniz e Ana Creusa foram recebidos na sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (SRMA/DNIT) pelo Superintendente, Engenheiro Glauco Henrique Ferreira da Silva, este acompanhado de José de Ribamar Mendes Cantanhede – Coordenador de Engenharia Aquaviária e de Thadeu Fellipe Lopes Silva, Coordenador de Engenharia Terrestre. Durante a proveitosa reunião foi entregue um Ofício, acompanhado de um resumo do planejamento estratégico da entidade. 

O pedido de apoio envolve obras que beneficiem direta ou indiretamente os municípios das microrregiões da Baixada e Litoral Ocidental do Maranhão, especialmente as obras de Construção de Novos Terminais Portuários na Bacia do Pindaré e Litoral Oeste: 1) Viana; 2) Reparação Adequação do Cais de Cajari; 3) Monção; 4) Pindobal – Zona Rural de Serrano; 5) Apicum Açu; bem como as Reparos e Construções de BRs: 1) Recuperação da BR 222; 2) Duplicação da BR 135; 3) BR 308 ligando o Maranhão ao Para, projeto que passa pela Baixada Maranhense e litoral Oeste

O Superintendente demonstrou sensibilidade em atender as reivindicações apresentadas pelo FDBM, pois se tratam de obras estruturantes que possibilitarão o desenvolvimento das microrregiões da  Baixada e Litoral Ocidental, que são as áreas de atuação do Fórum. O Presidente do FDBM disponibilizou-se em auxiliar o DNIT em questões ligados às populações envolvidas, especialmente quanto ao apoio junto aos gestores municipais e demais entidades.

Nota de Pesar pelo falecimento do forense José Ribamar Pires Collins

UFMA e SEMA recebem integrantes do Fórum da Baixada Maranhense

UFMA e SEMA recebem integrantes do Fórum da Baixada Maranhense

A última quinta-feira, dia 13/02, foi marcada por duas reuniões de planejamento entre o Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) e seus parceiros: Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA).

Pela manhã às 10:30h, o Grupo de Trabalho UFMA-FDBM reuniu-se na sala da Pró-reitoria de Extensão e Pesquisa, após os debates, foram definidas as prioridades de demandas e alinhamento das premissas para a construção de um plano de desenvolvimento viável para Baixada e Reentrâncias Maranhenses, com a finalidade de elaboração de um Termo de Cooperação Técnica entre a UFMA e o FDBM que contemple três eixos: ambiental, social e econômico (empreendedorismo). A Pró-reitora Josefinha Bentevi e os Diretores Larissa Barreto, Maíra Rocha, Denilson e Naíla Arraes fizeram as apresentações sobre os três eixos de contemplarão o projeto.

A ideia básica é que todas as intervenções devam considerar as condições ambientais, sociais, culturais e econômicas, inclusive contemplando as iniciativas exitosas já implementadas na região, exemplo:
– Polo Itans em Matinha; – Produção do queijo; – produção do mel; – farinha biriba; – criação ostensiva de patos; – divulgação e comercialização da jabiraca; – contensão da proliferação de espécies de peixes estranhos ao ambiente; – incentivo à caprino cultura; -reflorestamento, inclusive, ao longo do Dique da Baixada e barragem de Pericumã; – plantios de frutas tropicais; – estimular o ecoturismo nos lagos e campos; – certificação de produtos e – plano de manejo e regulamento.

Reunião na UFMA

Também forma discutidas algumas ações necessárias, como:  construção de parcerias com outras instituições como Uema, Ceuma, Ifma, Iemas, Embrapa, Vale, Sema, Codevasf, Agência Espacial Brasileira, Terminal Portuário de Alcântara, prefeituras e realização de visitas técnicas a Itans, projetos de Penalva (Ufma), Anajatuba, diques de produção; criação do polo de empreendedorismo rural da baixada e reentrâncias maranhense e instalação no campus da Ufma de Pinheiro.

Ficou acertado que o Grupo de Trabalho se reunirá após o Carnaval para aprovação do esboço do plano de trabalho, definir cronograma para realização seminários e lançamento do Termo de Cooperação Técnica, apresentação e divulgação do plano de desenvolvimento entre Ufma/Fórum e ciclo de palestras nos municípios. 

À tarde às 17:00h, na sala de reunião da SEMA, reuniram-se vários técnicos liderados pela Superintendente de Economia Verde, Said Zaidan. Foi apresentado aos forenses o Projeto GAEV – Gestão Ambiental e Economia, que envolve biodiversidade, conservação e controle de desenvolvimento sustentável. Esse projeto contempla 4 municípios da Baixada. O objetivo da reunião foi disseminar o projeto e fomentar parcerias.  Também foi apresentado o projeto da Reserva da Biosfera que está em estudo e que envolve a Baixada e Reentrâncias Maranhenses. O tema chamou bastante atenção dos forenses que solicitaram para serem incluídos em outros grupos de debates. Ficou acertado que seria criado um grupo para facilitar a comunicação.

Reunião na SEMA

Fórum da Baixada participa da solenidade de inauguração da Estrada do Peixe em Matinha

Fórum da Baixada participa da solenidade de inauguração da Estrada do Peixe em Matinha

O Presidente, João Martins e o Vice-Presidente, Expedito Moraes do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) participaram hoje (08/11/2019) da inauguração da sonhada Estrada do Peixe no Povoado Itans em Matinha. 

Na oportunidade contaram com a atenção, hospitalidade e gentileza dos forenses Jorge Soeiro e João Silveira de Matinha e Henrique Travassos de Viana que, durante a visita a Itans não mediram esforços para que os representantes da entidade compartilhassem de forma exemplar do evento de inauguração da estrada, do ginásio e da fábrica de gelo pelo Governador do Estado, Flávio Dino e pela Prefeita Linielda.

O FDBM parabeniza todos os atores institucionais envolvidos na organização do evento e em especial aos diretores e associados da Associação dos Piscicultores de Itans.

A Diretoria do FDBM

O Fórum em Defesa da Baixada Maranhense cumprimenta o Dr. Natalino Salgado pela sua nomeação no cargo de Reitor da UFMA

O Fórum em Defesa da Baixada Maranhense cumprimenta o Dr. Natalino Salgado pela sua nomeação no cargo de Reitor da UFMA

O Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM) torna público o seu veemente sentimento de júbilo em relação à nomeação do Dr. Natalino Salgado para o cargo de reitor da Universidade Federal do Maranhão.

O nosso intenso contentamento se justifica porque o Dr. Natalino, membro fundador do FDBM, é um dos homens públicos mais honrados, respeitados e talentosos do estado do Maranhão.

As duas gestões anteriores do Dr. Natalino Salgado, entre 2007 e 2015, celebrizaram-se pelo timbre da boa gestão e eficiência administrativa.

O seu estilo de empreendedor arrojado transformou a UFMA em uma das melhores instituições de ensino superior do Brasil.

Assim, ao tempo em aplaudimos a nomeação de Dr. Natalino, reiteramos a nossa plena convicção de que a sua nova gestão à frente da venerável Universidade Federal do Maranhão será notabilizada pela marca da competência administrativa, gestão de excelência e idoneidade moral.

A Diretoria do FDBM